terça-feira, 10 de novembro de 2009

Confira a programação do CCBB Itinerante Etapa Natal (RN)

MÚSICA

Vozes de Mestres - Egberto Gismonti | Abertura: Déa Trancoso | Dia 10 de novembro, às 20h
Local: Teatro Alberto Maranhão
Entrada: R$ 15 (inteira) e R$ 7,50 (meia entrada para estudantes e idosos.
Clientes e funcionários do Banco do Brasil também pagam meia - benefício
válido, inclusive, para o acompanhante)

O projeto “Festival Internacional de Cultura Popular – Vozes de Mestres”,
tem como objetivo promover a valorização da diversidade cultural brasileira,
conta com a participação de artistas e grupos de reconhecimento
internacional, nacional e local.

Egberto Gismonti, cantor, músico, compositor e arranjador é considerado
um mestre da música instrumental popular, destacando-se pela sua
capacidade de experimentação.

Déa Tancoso é pesquisadora das raízes musicais brasileiras, e lança em
nível nacional o seu primeiro trabalho solo: o CD TUM TUM TUM.
Vencedora do X Festivale - Festa da Cultura Popular do Jequitinhonha,
a cantora fez participações especiais em outros trabalhos, dentre eles,
o CD Palmeira Seca - Chico Lobo e convidados, em dueto com Tino
Gomes na faixa Marruá.

Classificação: Livre


DANÇA

Vozes de Mestres - Balé do Teatro Alberto Maranhão |
Dia 12 de novembro, às 15h e 20h
Local: Teatro Alberto Maranhão
Entrada Franca | senhas serão distribuídas 1 hora antes do início do evento.

A Cia. de Dança do Teatro Alberto Maranhão apresentará o espetáculo
"O QUE ESCREVE O CORPO", que aborda a diversidade do ser
contemporâneo na escrita do corpo em forma de movimento inserida
no espaço cênico. As coreografias do espetáculo, em sua maioria, são
assinadas por coreógrafos potiguares.

A Cia. de Dança do Teatro Alberto Maranhão está vinculada à Fundação
José Augusto (Governo do Estado do Rio Grande do Norte), e em seus
11 anos de atividades artísticas desenvolve um trabalho de Dança
Contemporânea, tendo recebido 30 prêmios ao participar de Festivais
de Dança em Joinville(SC), Campos do Jordão(SP), Cabo Frio(RJ), Fortaleza
(CE) e Indaiatuba(SP).

Classificação: Livre


TEATRO

O Caminho Para Meca | De 13 a 15 de novembro, às 20h

Local: Teatro Alberto Maranhão
Entrada: R$ 15 (inteira) e R$ 7,50 (meia entrada para estudantes e
idosos. Clientes e funcionários do Banco do Brasil também pagam
meia - benefício válido, inclusive, para o acompanhante) | Duração: 110 min

O espetáculo é protagonizado por Cleyde Yáconis, a partir do texto de
Athol Fugard, um dos mais importantes dramaturgos contemporâneos
da língua inglesa. Inspirado em uma figura real, o texto fala de segregação
racial, contando a história da sul africana Elizabeth Martins, uma autêntica
outsider que encontra sua forma de expressão por meio da escultura,
produzindo uma arte não convencional. Direção: Yara de Novaes; Elenco:
Cleide Yáconis, Patrícia Gasppar e Cacá Amaral.

Classificação: 12 anos


CINEMA

Os Melhores Filmes do Ano - ACCRJ | De 10 a 15 de novembro, às 16h e 18h
Debate | Dia 14 de novembro, às 18h

Local: Solar Bela Vista - Auditório
Entrada Franca | senhas serão distribuídas 1 hora antes do início do evento.

O projeto oferece ao público a oportunidade de assistir ou rever os dez melhores filmes do ano selecionados pela Associação de Críticos de Cinema do Rio de Janeiro (ACCRJ), em duas sessões diárias, além de promover um debate com um crítico carioca e um crítico local no último dia do evento.

Consulte a classificação indicativa de cada filme | Ver Sinopses 1


Programação

10 de novembro | terça
16h | Queime Depois de Ler | 96 min
18h | Onde os Fracos Não Têm Vez | 122 min

11 de novembro | quarta
16h | Paranoid Park | 85 min
18h | Sangue Negro | 158 min

12 de novembro | quinta
16h | Um Beijo Roubado | 97 min
18h | Não Estou Lá | 135 min

13 de novembro | sexta
16h | O Escafandro e a Borboleta | 112 min
18h | Antes que o Diabo Saiba que Você Está Morto | 117 min

14 de novembro | sábado
16h | Estômago | 112 min
18h | Debate

15 de novembro | domingo
16h | Wall-E | 98 min
18h | Onde os Fracos Não Têm Vez | 122 min


CINEMA INFANTIL

Sessão Criança | De 10 a 15 de novembro, às 9h e 14h
Palestra para Educadores | Dia 10 de novembro, às 9h

Local: Solar Bela Vista - Auditório
Entrada Franca | senhas serão distribuídas 1 hora antes do
início do evento.

Mostra de filmes para crianças e jovens conduzida por apresentadores
formados em artes e na linguagem audiovisual. Serão realizadas duas
sessões diárias, além de promover uma palestra por cidade para educadores
formais e informais abordando o uso do cinema na educação.

Classificação: Livre | Ver Sinopses 2


Programação

10 de novembro | terça
9h | Palestra para Educadores
14h | Kiriku e a Feiticeira (71 min)
Rota de Colisão (12 min)

11 de novembro | quarta
9h | Brichos (77 min)
14h | O Reino dos Gatos (75 min)
Derrube Jack (8 min)

12 de novembro | quinta
9h | Kiriku e a Feiticeira (71 min)
Rota de Colisão (12 min)
14h | O Castelo Animado (119 min)

13 de novembro | sexta
9h | Brichos (77 min)
14h | A Profecia dos Sapos (90 min)

14 de novembro | sábado
9h | O Reino dos Gatos (75 min)
Derrube Jack (8 min)
14h | Brichos (77 min)

15 de novembro | domingo
9h | A Profecia dos Sapos (90 min)
14h | Kiriku e a Feiticeira (71 min)
Rota de Colisão (12 min)


EXPOSIÇÃO

De 10 a 15 de novembro, de 9h às 18h | Exposição
Serra da Canastra

Local: Solar Bela Vista
Entrada Franca

Mostra fotográfica do documentarista Adriano Gambarini da região
considerada a Chapada de Minas Gerais, extremamente rica em aspectos
naturais, com espécies da fauna ameaçadas de extinção, plantas e vegetações
endêmicas, além da cultura local, com traços e hábitos da população ainda
enraizados, sem qualquer interferência do mundo moderno. O evento
levará a cada uma das cinco etapas, 40 fotografias coloridas, painéis
com cartografias e textos explicativos, agendamento de visitas guiadas
para escolas e uma oficina de fotografia.

Classificação: Livre


IDEIAS

Vozes de Mestres | Mesa Rendonda: “Brasil: quem somos nós e
como chegamos a ser o que somos?” com Egberto Gismonti,
Lira Marques, Frei Chico (escritor do primeiro dicionário da
Cultura Popular Brasileira) e Mestre Local, com mediação
de Déa Trancoso | Dia 11 de novembro, às 19h

Local: Teatro Alberto Maranhão.

O tema "Brasil: Quem somos nós e como chegamos a ser o que somos?"
abordará a diversidade cultural brasileira em seus mais variaos aspectos.
Personalidades do universo da cultura popular são convidadas a falar
sobre suas experiências e desafios para manter viva a tradição na
contemporaneidade.

Frei Chico, holandês erradicado no Brasil à 42 anos, estudioso da cultura
popular brasileira e escritor do dicionário da Cultura Popular Brasileira.
Lira Marques, artesã. Junto com o holandês Frei Chico, viajou pelo
Vale do Jequitinhonha e registrou, em 250 fitas e em muitos cadernos,
rezas, versos, sabedorias, benzeções e cantigas populares, como as das
lavadeiras. Muitas dessas músicas são cantadas hoje pelos seis corais
que existem em Araçuaí. Juntos, lançaram o CD "Dona Generosa e
Corais de Araçuaí", uma cantoria em homenagem ao pesquisador, violonista
e folclorista Frei Chico e a artesã Maria Lira Marques. Lira canta no disco

Classificação: Livre


OFICINA

Vozes de Mestres - Oficinas | De 10 a 14 de novembro

Inscrições e Informações no site www.vozesdemestres.com.br

10 de novembro | Oficina Mural de Cerâmica, em praça pública,
com Germana Arthuso | De 9h às 12h e 14h às 17h
12, 13 e 14 de novembro | Oficina “Corpo e Voz” com a facilitadora
Déa Trancoso | De 14 às 17h

Nenhum comentário: